MORO SOLTA O PINO DA GRANADA



Moro solta o pino da granada

Publicado  às 11h54

Talento potencializado, Sérgio Moro, que vem sendo perseguido pelo instinto lambuzado da irracionalidade que pilha e saqueia sem dó uma Nação desprovida de direitos constitucionais e fragmentada pela ganância e impunidade dos políticos e poderosos, não se curva diante das ameaças hediondas da delinquência. Lança luz na nação e inflama de esperança os brasileiros ofuscados que, depois de anos deitados em candura, se erguem em intolerância contra os atores políticos que se alimentam de um picadeiro amestrado.
Sérgio Moro tirou o pino. Com mais dezenas de gravações sórdidas, está no limite de sua paciência. Lula, depois das gravações da Operação Lava Jato, mostra que, efetivamente, é um político autoritário, com visão míope de república e que apenas pensa na lealdade daqueles que nomeou, como dever de proteção. Suas piadas, em palanque ou nas próprias gravações, as quais se referem a militantes, feministas e à magistratura, mostram sua incapacidade de gerir a sua crise de moral e ética.
Sim, o pino está solto nas mãos de um juiz corajoso, que enfrentou os poderosos e vilões do país e da democracia. Grupos de políticos e poderosos que impregnaram no tecido da sociedade, sepultando esperanças. Moro está prestes a soltar a granada e acabar, de vez, com essa corrupção endêmica e a impunidade cínica dos atores da política, postados no Congresso Nacional e vivendo insônia diária.
O Dom Quixote paranaense não está só contra moinhos de ventos, mas tem, a seu lado, um pelotão de guerreiros que foi às ruas para protestar contra o terrorismo e a tirania. Moro está, também, amparado pelas decisões judiciais e conta com a decência da magistratura, dos juízes, dos procuradores, dos ministros do Superior Tribunal Federal e da Polícia Federal. Ele está cercado de justos, embora ainda existam víboras amamentadas pela política para serem eliminadas.
Moro, assim como os brasileiros que foram para as ruas, querem passar o Brasil a limpo nem que, para isso, raspem os últimos grãos de areia de esperança. O terreno, a terra brasileira é fértil e precisa apenas de gente de bem para trabalhá-la. Como disse Wiston Chuchill: haverá sangue, suor e lágrimas.

Fonte:http://paranaportal.uol.com.br/blog/2016/03/21/moro-solta-o-pino-da-granada/

Postagens mais visitadas deste blog

CRISE FINANCEIRA NO BRASIL : UM MILHÃO DE FAMÍLIAS ENTRARÃO PARA AS CLASSES "D" E "E" ATÉ 20025

PARALIMPÍADA CEREBRA UNIÃO E CONSAGRA CAPACIDADE DO BRASIL

SAIBA QUAIS AS 10 FORÇAS ARMADAS MAIS PODEROSAS DO MUNDO - BRASIL ESTÁ EM DÉCIMO QUINTO LUGAR