Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2017

O FIM DO BREVE CICLO DE CIDADANIA SOCIAL NO BRASIL (1088-2015)

Imagem
O FIM DO BREVE CICLO DE CIDADANIA SOCIAL NO BRASIL (1088-2015) A utopia pode ter eclipsado a realidade, tão cristalinamente clara, de que a democracia e a cidadania social são corpos absolutamente estranhos ao capitalismo brasileiro, escreve EduardoFagnani, professor do Instituto de Economia da Unicamp, pesquisador do Centro de Estudos Sindicais e do Trabalho (CESIT) e coordenador da rede Plataforma Política Social em artigo publicado por Brasil Debate, 30-06-2017, Eis o artigo.Há menos de cem anos, a sociedade brasileira era majoritariamente formada de uma massa de analfabetos rurais, brancos e negros, submetidos aos resquícios da escravidão e destituídos de direitos elementares, como o direito à própria vida. Não é por outra razão que a natureza da cidadania no Brasil é o avesso de outras experiências nacionais, como a Inglaterra (Marshal, 1967), por exemplo, onde os direitos civis, os direitos políticos e os direitos sociais foram consagrados nos séculos 18, 19 e 20, respectivamente.